sexta-feira, 15 de julho de 2011

RENASCIMENTO! VIDEOLOX

Bom galera que lia/lê nosso empoeirado blog... Aqui está uma nova seção do blog, o VIDELOX, onde, originalmente nós três (Eu, Fernando e Niége), comentaríamos sobre o assunto que vc, leitor, deixasse nos comentários... Sim, qualquer assunto... Ainda não os comuniquei que colocarei este antigo vídeo no blog, mas pode deixar que eu aviso (y)

Se eles não quiserem dar continuidade à isso, tenho uma idéia, para o vídeo não ficar tão maçante sabe... a minha idéia é que me embebedem, e aí sim eu comente sobre todos os comentários plausíveis...

video

Agora chamem todos os seus colegas para comentar... em 1 semana eu vejo se sai algo daqui e ja vejo se posto o vídeo...

terça-feira, 1 de março de 2011

Que filme assistir?

Olá

Época de Oscar. Milhões de cinemas recebem bilhões em público esperando ver as novas obras-primas da sétima arte. Agora eu penso em você, Homem Comum, sem tempo de ver todos os 327 novos filmes aclamados pelos jornais como os melhores no mercado.

Então, pensei num post curtinho pra ressucitar o blog: que filme escolher no meio de tanta coisa boa, tanta novidade aparentemente boa?



Primeira dica é: saiba o que você gosta.
Tantos filmes, e cada um tem um estilo. Saiba o seu estilo favorito, e se você não tiver exatamente um estilo em mente, lembre de filmes que você gosta, por exemplo: decidindo entre "O Discurso do Rei" e "Cisne Negro"? Se você prefereria suspenses psicológicos (como taxi driver), ou mesmo filmes mais visuais, ou alguns musicais, vá de Cisne Negro, se você prefere filmes que contam histórias reais, como Boa Noite e Boa Sorte, Sangue Negro, vá de Discurso.



Segunda dica: conheça diretores e atores.
Metade do carisma de um filme está na arte. Não é puxasaquismo se você for ver Cisne Negro só por que é um filme da Natalie Portman, ou Bravura indômita só por que você adora fargo, ou Onde os Fracos não têm vez, não tenha medo do que vão achar se você achar o filme uma droga e depois se justificar dizendo "pelo menos a direção foi boa". A arte é conduzida por essas duas figuras, e muito do gosto que fica depois do filme é culpa desses caras.



Terceira dica: não tenha medo, não confie na crítica.
Essa dica funciona de duas maneiras: 1 - Eu não recomendo que você vá ver "O Discurso do Rei" só por que um bando de cineastas disse que esse é o melhor filme do ano, críticos e cineastas costumam ter uma visão limitada, muitas vezes esquecendo coisas básicas; 2 - Não tenha medo de ir ver um filme que você queira ver por que todo mundo disse que o filme não presta, não deixe de ir ver Tron - O Legado, ou O Último Mestre do Ar por que meteram o pau no filme, não tenha medo de quebrar a cara.

Bem, espero ter ajudado algum indeciso. Lembrem-se, os filmes são feitos pra te divertirem.